SEJA UM REVENDEDOR DOS PRODUTOS FEITO COM BABOZA.

SEJA UM REVENDEDOR DOS PRODUTOS  FEITO COM BABOZA.
SEJA UM REVENDEDOR DOS PRODUTOS FOREVER. CLICK NA IMAGEM E DEPOIS CLICK NOVAMENTE ONDE DIZ SEJA UM EMPREENDEDOR E FAÇA SEU CADASTRO GRATIS.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Servidores que acumulam cargos irregularmente terão que devolver salários, diz TCE

Levantamento feito pelo Tribunal de Contas deverá ser divulgado no início do próximo ano
O Tribunal de Contas do Estado (TCE) deverá apresentar, no início do próximo ano, relação de servidores que acumulam cargos públicos irregularmente.

Os funcionários que estiverem nesta situação responderão na justiça pelo acúmulo ilegal e terão que devolver o que receberam a mais pela atuação indevida.

O presidente do TCE, conselheiro Fábio Nogueira, revelou que a Corte aguarda o envio das informações referentes ao mês de novembro pelos municípios para realizar o cruzamento dos dados e identificar quantos servidores se encaixam nesta situação.

Segundo ele, a partir dos dados serão verificados também os municípios que não tomaram as providências para sanar o problema.




Fonte MaisPB

sábado, 13 de dezembro de 2014

É MUITO CINISMO

Algumas cidades da Paraíba estão tendo que demitir funcionários que ocupam cargos em comissão (ou de confiança) em decorrência do excessivo número de pessoas e pela falta de recursos para custear a Folha, além de alguns resgates que estão sendo feito para fazer caixa com relação a Precatórios, INSS, etc. Só que em alguns lugares os que ocupam cargos de secretários (as) e os próprios prefeitos (as) sempre estão a postar em seus Facebook pessoal, imagens comemorando situações que são desnecessárias está mostrando em redes sociais, mesmo (e talvez) sendo com recursos pessoais. Numa hora dessas em que todos estão preocupados - aqueles demitidos -, em encontrar meios para arcar com suas despesas pessoais (pois agora estão sem um ganho certo), alguns líderes políticos não tem a dignidade nem a honradez de evitar despesas - repita-se: mesmo que seja com recursos próprios -, e ficam festejando com uísque caro, pratos especiais, etc; humilhando e tripudiando em cima daqueles que não tem de onde tirar pra poder dá um mínimo sequer a seus familiares. Talvez nem seja a intenção dessas pessoas fazer isso.
 
Todos tem o direito de se divertir, de brindar por algum motivo pessoal, a exemplos de um aniversário, o final de um curso, confraternização, etc. Mas se você faz parte de uma administração, seja de qual cidade for, e sabe que muitos pais e mães, além de estudantes universitários, foram demitidos e não tem de onde tirar recursos para se manter; então evite expor suas alegrias em redes sociais. Divirta-se e guarde na sua memória esse bom momento da sua vida pessoal.

Ninguém é culpado pelo que está acontecendo hoje em muitas cidades da Paraíba e até do Brasil, a exemplo de Brasília que teve que demitir funcionários e parar com alguns serviços públicos. Mas o bom senso nunca é demais. Expor suas alegrias é normal, mas se você é um detentor de cargo público - prefeito, vice, secretário, diretor -, evite colocar isso de forma até exagerada, nos meios sociais (Internet) para evitar que não seja interpretado como uma humilhação para com aqueles que hoje choram por não ter nem mesmo de onde tirar o dinheiro pra pagar a Luz ou a Água da sua casa.

Fui demitido. E agora?
Um dia acontece para todo mundo. Você chega ao trabalho para mais um dia de batente e descobre que terá que encontrar outro caminho profissional. Foi demitido. A empresa para qual você trabalha não quer ou não pode mais mantê-lo em seu quadro de colaboradores.

Um turbilhão de sentimentos se apossará de você. Embora, para alguns, o sentimento primeiro possa até ser de alívio, para a grande maioria a raiva, o medo e a decepção serão os sentimentos que primeiro aparecerão.

Qual a atitude da Secretaria de Desenvolvimento Social?
Quem detém o cargo de secretária (o) de Desenvolvimento Social (ou Ação Social) deve encontrar meios para subsidiar algumas famílias que foram demitidas e não tem como prover o seu sustento. Buscar soluções para amenizar as dificuldades dessas pessoas, pagando uma conta de água, luz e até, se possível, distribuindo cestas básicas aqueles mais carentes.

 
 
 
 
OBlogdePianco

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Atenção! Motoristas devem substituir extintores até o final do ano...

A partir do dia 1º de janeiro de 2015, os veículos automotores só poderão circular equipados com extintores de incêndio com carga de pó ABC. Por isso, o Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) alerta para o prazo máximo das alterações e traz algumas especificações da Resolução 157/2004 e 333/2009, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), sobre o tema.
Além da troca da carga, os proprietários devem ficar atentos quanto à capacidade e validade dos extintores e também se o equipamento está instalado na parte dianteira do compartimento interno, destinado aos passageiros. De acordo com o Instituto de Pesos e Medidas, o novo extintor tem adicionado em sua composição a substância necessária para combater incêndios do tipo A, à exemplo, do estofado do carro.
Os extintores de incêndio de pó químico tipo BC, que equiparam os carros fabricados até 2004, têm capacidade de combater princípios de incêndios de líquidos inflamáveis e equipamentos elétricos. Já os de carga ABC atuam um pouco além, nos princípios de incêndios de sólidos, papeis madeiras e tecidos.

Denatran apresenta novo modelo de placas de automóveis no padrão Mercosul que serão adotadas pelo Brasil a partir de 2016

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) apresentou nesta quinta feira (4)  o novo modelo de placas de veículos que será usado no Brasil e demais países do Mercosul: Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela (veja na imagem acima). No Brasil, a placa será obrigatória para veículos novos a partir de janeiro de 2016. Para os veículos que atualmente já estão emplacados, a mudança será opcional.
Saiba o que muda nas novas placas a partir de 2016:
1- Mais letras e menos números
Em vez de 3 letras e 4 números, como é hoje, as novas placas terão 4 letras e 3 números, e poderão estar embaralhados, assim como na Europa;
2- Cada um com a sua cor
A cor do fundo das placas será sempre branca. O que varia, é a cor da fonte. Para veículos de passeio, cor preta, para veículos comerciais, vermelha, carros oficiais, azul, em teste, verde, diplomáticos, dourado e de colecionadores, prateado;
3- Estado e cidade com nome e brasão
O nome do país estará na parte superior da patente, sobre uma barra azul. Nome da cidade e do estado estarão na lateral direita, acompanhados dos respectivos brasões;
4- Contra falsificações
Marcas d'água com o nome do país e do Mercosul estarão grafadas na diagonal ao longo das placas, com o objetivo de dificultar falsificações;
O novo modelo adotará quatro letras e três números, diferente da placa atual, que apresenta três letras e quatro números. A distribuição entre letras e números na nova placa será aleatória. Com isso, segundo o Denatran, serão possíveis mais de 450 milhões de combinações diferentes, contra as pouco mais de 175 milhões de possibilidades do atual modelo brasileiro.
saiba mais
Mercosul aprova modelo único de placa para carros do bloco
A placa terá as mesmas medidas das já utilizadas no Brasil (40 cm de comprimento por 13 cm de largura). O fundo será branco com letras pretas. Sobre uma faixa horizontal na parte superior, haverá o emblema do Mercosul e a bandeira do país do veículo.
Para Rone Barbosa, coordenador do Denatran, o novo sistema de placas facilitará o reconhecimento de criminosos que praticam a clonagem de veículos.
"A nova placa no padrão do Mercosul já incorpora alguns elementos de segurança que são adotados no mundo inteiro. Esses dispositivos de segurança visam coibir as possíveis clonagens de veículos que hoje não têm um controle muito rigoroso desse processo", disse Barbosa. 
No lado direito da placa, ficarão as bandeiras do Brasil, do estado e do município de registro do veículo (Foto: Reprodução/Denatran)
Modelo de placa que será usado por motocicletas
No Brasil, a identificação do estado e do município do veículo vão ficar no lado direito da placa, abaixo da bandeira nacional. Tanto estado como município também serão representados por suas bandeiras (veja imagem abaixo).
No Brasil, a placa  terá uma tira holográfica do lado esquerdo e um código bidimensional que conterá a identificação do fabricante, a data de fabricação e o número serial da placa. A tira é uma maneira de evitar falsificação da placa.
Rodízio e IPVA
O Denatran, no entanto, não soube informar como ficarão questões de rodízio ou licenciamento dos veículos nos estados em que o último número da placa é utilizado como referência. Isso porque, como poderão ter letras e números misturados, as placas poderão terminar com uma letra. 

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Prefeita de Igaracy não cumprio com sua promessa de pagar os salarios que estão em atraso no dia 20 deste e funcionarios voltaram a protesta conta sua administração pelas rua de Igaracy.

De novo: Funcionários tomam as ruas da cidade de Igaracy para pedir que a Prefeita pague seus salários


Mais uma vez o Servidor Público de Igaracy precisou ir as ruas gritar “PAGUE MEU SALÁRIO”, isso porque muitos funcionários de Igaracy ainda não receberam o salário do mês de outubro, fato que tem causado transtorno e desequilíbrio financeiro para o funcionário, que vive unicamente desta renda.

Pague o salário do Funcionário senhora Gestora para que este possa fazer as compras de sua alimentação, para que venha a pagar a água, a luz, o aluguel, enfim, para que o básico não falte em sua casa e o comercio da cidade não feche as portas.

O Vereador Jorge de Baíca que é funcionários, mais encontra-se licenciado, também acompanhou a manifestação e fez questão de usar a palavra no microfone do carro de som que percorreu parte da cidade e parou em frente a prefeitura do município.
Veja algumas fotos abaixo:









segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Deputado se encontra com ministro e cobra ações efetivas contra seca na Paraíba

Deputado se encontra com ministro e cobra ações efetivas contra seca na Paraíba
O deputado federal Wilson Filho (PTB) iniciou a semana cobrando mais investimentos e celeridade na atuação do Governo Federal no combate à seca na Paraíba, durante reunião com o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira. O encontro aconteceu nesta segunda-feira (24), em Brasília.


Para o deputado, não tem sentido combater a seca só quando ela chega, e sim, fazer trabalhos permanentes, principalmente de acúmulo de água para enfrentar os anos de estiagem que, em datas diferentes, vão sempre ocorrer no Nordeste.


“Basta chover um pouco para que a seca deixa de ser comentada. Ela precisa ser combatida definitivamente. Temos que ter mais investimentos urgentes para a construção de poços e de açudes nas regiões mais secas. Solicitei, de forma emergencial, às medidas paliativas para curto prazo e cobrei obras estruturantes para o estado como construção de barragens e de adutoras”, frisou o deputado.


Segundo o parlamentar, as únicas ações visíveis para amenizar o sofrimento da população são os carros-pipa, que estão sendo deslocados para o interior da Paraíba, mas que não são suficientes para enfrentar o problema. “Nós estamos vendo animais morrendo, poços e rios secando, muitos já totalmente seco, e a economia sendo dizimada. A paisagem sendo mudada e famílias abandonando os lares. Choveu um pouco, mas ainda é insuficiente”.


O parlamentar frisou que em algumas cidades falta também água para consumo. “Muitos precisam andar léguas para conseguir um pouco de água que nem é boa para beber. Não podemos deixar esse assunto para depois porque as pessoas estão passando necessidades”, revelou o deputado, ao retratar a situação dos municípios atingidos pela estiagem prolongada no estado.


Seca na Paraíba


O Governo federal reconheceu situação de emergência em mais 25 municípios da Paraíba, por causa da estiagem. No total, são 195 cidades paraibanas cujos decretos de situação de emergência foram reconhecidos em âmbito federal.


O reconhecimento, decidido pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, pertencente ao Ministério de Integração Nacional, foi publicado no Diário Oficial da União de 17 de novembro. A portaria publicada tem como base o decreto do Governo do Estado de 22 de outubro de 2014. O Ministério da Integração Nacional já havia reconhecido, no dia 27 de outubro, situação de emergência em outros 170 municípios paraibanos.




Redação com Assessoria

sábado, 22 de novembro de 2014

SAIO NO JORNAL FOLHA DO VALE.



Geral :
22-11-2014 09:40:00
Vereador denuncia que Samu de Igaracy deixou de socorrer doente por falta de combustível

Parlamentar mirim elencou uma séria de problemas por que passa o município




Por Redação da Folha – Na tarde da última quinta-feira, 20, uma idosa, que passou mal, precisou ser socorrida em um carro particular porque a viatura do Samu de Igaracy não pode rodar por falta de combustível porque o posto, onde o município compra e que fica na cidade de Olho D’água, teria cortado o fornecimento por atraso no pagamento. A denúncia é do vereador Geraldo Regina (PSB). Ele lamentou o fato, que pôs em risco a vida de uma cidadã local por omissão da Prefeitura. “É estranho que falte combustível para um transporte essencial, enquanto os gastos do município com combustível são exorbitantes, somente no mês de junho passado foi 10 mil reais só de óleo diesel”, lamentou o parlamentar mirim.

Esse gasto também não se justifica porque, conforme o vereador, até o carro-pipa municipal que leva água para as comunidades rurais é abastecido pelos próprios moradores. “Quem quer um carro d’água tem que pagar o combustível, assim também acontece com a máquina, quando alguém esta necessitando de um serviço, o que é um absurdo”, disse o vereador.

Um outro problema mostrado pelo vereador está relacionado à situação precária em que se encontra parte da frota municipal. Carros danificados e sem condições de circular. “Tem carros com a lataria danificada, o porta-malas e o banco de passageiros amarrado de corda para não virar, pondo em risco a segurança dos passageiros”, comentou o vereador, ao mostrar fotos dessa situação vexatória e arriscada.

A merenda escolar é outro drama. Geraldo Regina denuncia que os alimentos distribuídos para muitas escolas municipais é insuficiente para alimentar o alunado, a exemplo do que acontece no sítio Catinga Grande, onde, segundo ele, a quantidade alimentícia destinada ao educandário rural não dar para que os alunos tenha comida todos os dias.

O vereador também está preocupado com a situação dos servidores municipais, que não estão recebendo em dia. Mas há um outro problema, segundo ele. Muitos servidores, especialmente os contratados, estão sendo demitidos pela Prefeitura, e quem quer continuar no emprego precisa trabalhar de graça para o município, segundo Geraldo. “São cem servidores que deverão ser demitidos, e a proposta que a Prefeitura está oferecendo para não demitir é um crime: o funcionário que quiser ficar no emprego tem que trabalhar três meses de graça para o município, e só depois é que passa a receber dinheiro, e isso é mais um absurdo dessa gestão, uma coisa que não pode acontecer”, repudiou o parlamentar mirim, uma das poucas vozes da Câmara Municipal a questionar os desmandos administrativos do executivo municipal. Foto: carro amarrado de corda e com a lataria danificada, mas transportando gente.

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Em breve em Igaracy! Seguro para motos com parcelas a partir de 35,00 no escritório de serviços V.L. CRÉDITOS com Valci. Mais informações pelo celular TIM 83 9604-4678.


ADM DESASTROSA: Funcionários da Prefeitura de Igaracy fazem paralização e tomam as ruas da cidade para cobrar seus salários em dia.

Após a uma rápida caminhada pelas as principais ruas da cidade de Igaracy, com a “CAMPANHA SINDICAL PAGUE MEU SALÁRIO EM DIA”, cartazes com frases reivindicando o pagamento do salário, os Servidores Públicos reuniram-se no Centro Pastoral a convite da Prefeita, para negociar a respeito do pagamento do mês de outubro de 2014. 
 
A princípio a Prefeita expôs a situação da prefeitura, falando que os recursos financeiros que entraram tem sido insuficiente para os pagamentos dos servidores, falou ainda que a prefeitura está pagando dívidas do INSS deixada por gestões anteriores, e por fim disse que recentemente exonerou muitos cargos comissionados e contratados com o objetivo de reduzir gastos e regularizar o pagamento do funcionalismo público. 
 
 
 
 
 
 
 
 
No entanto, como o objetivo do dia era negociar quando seria pago o mês de outubro de 2014, a prefeita assegurou a todos os presentes que dia 20/11/2014 seria feito o repasse dos funcionários efetivos que não receberam o mês em questão e ainda afirmou que a equipe de finanças está se organizando para pagar os meses subsequentes em dia.
 
Dando mais uma vez votos de confianças a gestão a negociação foi feita, e os servidores que ainda estão com seus vencimentos atrasados vão aguardar a efetivação de tal proposta no próximo dia 20.
 
Segundo o presidente do SISPAI “Nossa luta continua, caso tenhamos o descumprimento de tal acordo seguiremos com nossas Paralisações de Advertência”.
 
Hugo Igaracy