SEJA UM REVENDEDOR DOS PRODUTOS FEITO COM BABOZA.

SEJA UM REVENDEDOR DOS PRODUTOS  FEITO COM BABOZA.
SEJA UM REVENDEDOR DOS PRODUTOS FOREVER. CLICK NA IMAGEM E DEPOIS CLICK NOVAMENTE ONDE DIZ SEJA UM EMPREENDEDOR E FAÇA SEU CADASTRO GRATIS.

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Profissional brasileiro gasta mais de R$ 30 por dia com almoço, aponta estudo

MSN Empregos
Profissional brasileiro gasta mais de R$ 30 por dia com almoço, aponta estudo
Comer fora de casa não é algo barato, e isso não é novidade para ninguém. Mas, somando refeição, bebida, sobremesa e o famoso cafezinho, o trabalhador brasileiro gasta no almoço, em média, R$ 30,14 - resultado que chega a impressionantes R$ 663,08 mensais, se considerarmos 5 dias de trabalho por semana.

A Pesquisa Refeição Assert Preço Médio 2014, da Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalhador (Assert), realizou 4.681 entrevistas em restaurantes que trabalham com vales/ tíquetes refeição, nos sistemas Comercial, Autosserviço, Executivo e A La Carte.

"O montante que um trabalhador gasta por mês para se alimentar durante o trabalho é significativo, comprovando que o Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT) do Ministério do Trabalho e Emprego continua sendo um importante instrumento de inclusão social", alerta Artur Almeida, presidente da Assert.

O PAT é um programa do governo que promove incentivos fiscais às empresas que assumem a responsabilidade de prover melhores condições nutricionais à seus funcionários - seja com vale-refeição ou vale-alimentação, almoço na própria organização ou cestas básicas. O objetivo do programa é repercutir positivamente na qualidade de vida, redução de acidentes de trabalho e aumento da produtividade.

Ainda de acordo com a pesquisa da Assert, está crescendo a procura por alimentos mais saudáveis. Segundo o levantamento, o aumento percebido pelos estabelecimentos no consumo de frutas foi de 61% e de 69%, no caso de verduras e legumes.  A preferência por sucos naturais também cresceu impressionantes 70% - em restaurantes executivos, esse crescimento foi de 80%.

Surpreendentemente, o arroz e feijão, tradicionalíssimo prato brasileiro, não é tão relacionado a uma refeição considerada saudável. Menos de um quinto dos estabelecimentos entrevistados associa a dupla a uma alimentação saudável. Entre os locais que servem o chamado prato comercial, esse reconhecimento é maior: 40% da amostra desse segmento. Independentemente disso, a oferta da mais brasileira das combinações gastronômicas é oferecida por 89% dos estabelecimentos.

"Embora não ofereça a variedade de um buffet de autosserviço, onde o trabalhador encontra inúmeras opções de saladas, legumes e grelhados, o empratado comercial tem uma excelente relação custo-benefício com boa perspectiva no equilíbrio nutricional e no preço", ressalta Almeida.

sábado, 12 de abril de 2014

Esse menino a cada dia nos surpreende mais; veja o que o Presidente do SISPAI postou em seu facebook.


EU TENHO UMA CURIOSIDADE!!!
QUAIS FORAM OS CRITÉRIOS PARA FICAR ENTRE OS 100 MELHORES PREFEITOS DO BRASIL?

Se em Igaracy.....
- Servidores Públicos efetivos estão com seus salários atrasados; (olha esse problema é já desta gestão, certo? Para não colocarem a culpa na gestão anterior.)
- Servidores Públicos efetivos trabalham sem nenhuma condição de trabalho (Exemplos: Garis trabalham sem EPI’s – Equipamento de Proteção Especial; Funcionários de diversos órgãos levam de casa material para trabalhar (balde, pano, vassoura, etc...); Funcionários não tem nem água para beber no ambiente de trabalho...);
- Servidores Públicos efetivos não tem garantido os direitos efetivamente garantidos pela Lei (Exemplos: Professores da Zona Rural não receberam a GAD – Gratificação de Difícil Acesso, por esquecimento do Secretário responsável pelo repasse);
- Servidores Públicos efetivos não tem Progressão Funcional (horizontal ou vertical) porque a prefeitura não tem condições financeiras para PAGAR, mas, tem condições para COMISSIONAR e CONTRATAR a vontade;
- Servidores públicos efetivos são rigorosamente obrigados a trabalhar a carga horária de trabalho estabelecida em Lei, enquanto os comissionados e contratados na grande maioria apenas recebem seus salários sem fazer nada, nem um ponto assinam.
Tem mais e mais coisas que não está bem, mas, mesmo assim estamos entre as melhores gestão do Brasil, se Igaracy está assim, e é destaque entre os 100 melhores, fico pensando no resto do BRASIL.... como estão sofrendo em?
Ainda há tempo de fazer a verdadeira MUDANÇA, é só trabalhar em benefício do povo, agora falo do povo em geral e não só do PEQUENO GRUPO FAMILIAR ou como me disseram uma vez do GRUPO DOS ACORDOS POLÍTICOS.

PRONTO FALEI!!!!

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Confira as cidades onde mais choveu na Paraíba no mês de abril. Em Catingueira foi 115,7 mm!

São José do Bonfim e Sumé são as cidades paraibanas onde houve maior ocorrência de chuvas nos primeiros nove dias de abril. Os pluviômetros instalados nesses municípios registraram um acúmulo de 151,1 milímetros e 130,9 milímetros, respectivamente, segundo o setor de Monitoramento e Hidrometria da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa).

Outros municípios que foram destaque no ranking das chuvas do Governo do Estado neste início de mês foram São Domingos de Pombal (129,1 mm), Catolé do Rocha (128 mm) e Catingueira (115,7 mm). Os números, segundo a meteorologista da Aesa, Carmem Becker, estão dentro do esperado.

“Nesta época do ano é normal termos maior ocorrência de chuva no Sertão e Alto Sertão. Estamos no período que é considerado inverno nestas regiões. Ele vai até maio, então até lá teremos novas chuvas, principalmente por causa da formação de áreas de instabilidade associadas à atuação da Zona de Convergência Intertropical”, informou.

De acordo com o diretor-presidente da Aesa, João Vicente Machado Sobrinho, as previsões feitas pela equipe de meteorologia são fundamentais para a gestão dos recursos hídricos desenvolvida pelo Governo do Estado. “Fazemos nosso planejamento com base nos dados fornecidos pelo setor de Monitoramento e Hidrometria. Nossos meteorologistas, que chegaram a ser questionados por alguns profissionais, acertaram todas as previsões. A chuva que eles anunciaram meses atrás, hoje está reabastecendo nossos açudes”, relembrou João Vicente.

O setor realiza, entre outras ações, o monitoramento das condições de tempo, clima e recursos hídricos de todo o estado da Paraíba. Diariamente a Aesa divulga dois boletins meteorológicos em sua página na internet: www.aesa.pb.gov.br.


(Foto: Noite chuva em Catingueira nesta quinta-feira)



Fonte: MaisPB com Secom PB 

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Prefeita de Igaracy recebeu mais de 27% das diárias pagas por sua gestão em 2013


A Prefeitura de Igaracy gastou R$ 51.481,67 com diárias no ano passado, dos quais 27,58%, o equivalente a R$ 14.200, foram recebidas pela prefeita do município, Deusinha Leite, por viagens feitas, principalmente, às cidades de João Pessoa e Brasília.

As outras duas maiores diárias foram pagas a dois secretários municipais: Fábio Handre da Silva Andrade, de Administração, que recebeu R$ 5.405; e José Wollace Evangelista Veras, da Saúde, que é marido da prefeita e a quem foram pagos R$ 4.970. Segundo informações, ele entregou o cargo no final de agosto.


As diárias pagas pela Prefeitura igaraciense, nos doze meses de 2013, representaram 0,50% de todo o montante financeiro movimentado pela edilidade, que chegou a ultrapassar os R$ 10,1 milhões. 


folhadovali.com.br

Procuradoria Eleitoral anuncia multa de 5 mil para quem adesivar carro com propaganda política fora de época

“Adesive seu carro com campanha eleitoral antes de 6 de julho e leve para casa uma multa de R$ 5 mil”, alerta campanha contra adesivação de veículos. 
“A campanha é dele. A multa é sua”; “Adesive seu carro com campanha eleitoral antes de 6 de julho e leve para casa uma multa de R$ 5 mil”. Com esses slogans, o Ministério Público Federal (MPF), através da Procuradoria Regional Eleitoral na Paraíba (PRE), inicia campanha de alerta contra a adesivação de veículos com propaganda eleitoral antecipada. As artes com os slogans estão disponíveis na página do MPF na internet. O alerta procura lembrar o proprietário que adesiva seu carro com campanha antecipada que ele também pode ser responsabilizado perante a Justiça Eleitoral e sujeitar-se à multa que varia de R$ 5 mil a R$ 25 mil. 
Segundo o procurador regional eleitoral Duciran Farena, a PRE já vem recebendo diversas fotos de veículos contendo adesivos com dizeres relativos à campanha eleitoral de pretendentes a cargos eletivos, que só pode ser realizada legalmente a partir do dia 6 de julho (artigo 36, parágrafo 3º, da Lei nº 9.504/97). A ideia, segundo Duciran Farena é esclarecer à população que não só o político, mas qualquer eleitor que cole em seu veículo adesivo de pré-candidatos antes do período legal, está sujeito à multa prevista na lei. O procurador regional eleitoral lembra que o Tribunal Superior Eleitoral manteve a multa de R$ 5 mil aplicada contra uma eleitora de Sergipe que, em 2010, colou no carro um adesivo da então pré-candidata à presidência da República Dilma Rousseff, antes do período autorizado para propaganda eleitoral. 
O objetivo da campanha, afirma Duciran Farena, “é informar o eleitor deste risco e que o ato de colar um adesivo em prol deste ou daquele candidato, antes do período legal, não é inocente e pode ter implicações danosas para o bolso do dono do carro. A Paraíba já viveu em outras campanhas acirradas guerras de adesivos no período vedado e não vamos permitir que isso ocorra novamente”. 
“Para que o adesivo seja considerado campanha antecipada não é preciso pedido de votos – basta que haja uma associação visível com alguém que é candidato, especialmente com candidatos a postos majoritários, como é o caso do governo do Estado, onde ninguém pode desconhecer quem são os candidatos principais, seus símbolos, cores e slogans”, ressaltou o procurador regional eleitoral. 
Denuncie - A Procuradoria Regional Eleitoral sugere aos eleitores que receberem um adesivo de campanha, antes de 6 de julho, que não colem os adesivos em seus veículos e procurem imediatamente a PRE ou um dos promotores eleitorais de sua cidade para denunciar o fato e entregar o adesivo. Qualquer tentativa de constrangimento de eleitores (por exemplo, empregados, ocupantes de cargos de livre exoneração) para que adesivem seus veículos também deve ser denunciada, assegurando-se, no caso, o direito ao sigilo do denunciante. 
A partir de 6 de julho, torna-se legal a adesivagem de veículos com propaganda de candidatos, desde que os adesivos sejam microperfurados e não ultrapassem a dimensão máxima de 50 centímetros por 40 centímetros, ou, quando fixados no para-brisa traseiro, até a extensão total deste (Lei 9.504/97, com redação da Lei n. 12.891/13).

domingo, 6 de abril de 2014

Agricultores do Vale do Piancó recebem sementes do Governo do Estado

Para a região serão quase 50 toneladas de grãos

Foto: Internet
Agricultores de 19 municípios integrantes da região do Vale do Piancó começaram a receber, nessa terça-feira (01), as sementes selecionadas distribuídas pelo Governo do Estado, por meio dos escritórios da Emater Paraíba. Para a região de Piancó, serão 29,5 toneladas de milho, mais 15,6 toneladas de feijão macassar e 5,5 toneladas de sorgo.
As sementes no Vale do Piancó já estão sendo distribuídas nos municípios de Catingueira, Olho d’Água, Curral Velho, Diamante, Igaracy, Ibiara, Itaporanga, Pedra Branca, Piancó, Santana dos Garrotes e Santana de Mangueira. 
Os demais municípios: Boa Ventura, Conceição, Emas, Nova Olinda, São José de Caiana e Serra Grande receberão suas cotas de sementes no decorrer desta semana.

Sub Secretário de Administração de Igaracy Antonio de Cadó foi o unico entre os presentes da comitiva da prefeita Deusinha de Igaracy que teve coragem de falar cara a cara com o governador durante a plenário do orçamanto democratico em Itaporanga.

O MUNICÍPIO DE IGARACY FOI DESTAQUE NO ORÇAMENTO DEMOCRÁTICO DO GOVERNO DO ESTADO realizado nesta sexta-feira na cidade Itaporanga. A comitiva do município incluiu secretários, coordenadores, assessoria de gabinete demais populares que acompanharam a prefeita Deusinha.

Durante o evento o Governador elencou os investimentos trazido para o município como o Asfalto,a ETA, casas, Abasteciemento dágua para zona rural, construção de uma quadra e do novo colégio Joselita Brasileiro entre outros benefícios...AGUARDEM MATÉRIA COMPLETA.




sábado, 5 de abril de 2014

Paraíba deverá vacinar este ano mais de 900 mil pessoas contra gripe

Novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos
Saúde | Em 04/04/14 às 21h21, atualizado em 04/04/14 às 21h24 | Por Redação, com Secom PB
Divulgação
Devem ser vacinadas crianças de seis meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias)
A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe deste ano será realizada de 22 de abril a 9 de maio, tendo 26 de abril como dia de mobilização nacional. A novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos. No ano passado, o público infantil foi de seis meses a menores de dois anos. O público-alvo da Paraíba é de 946.099 pessoas e a meta da Secretaria de Saúde do Estado é vacinar 80% desta população, considerada de risco para complicações por gripe.
Além das crianças de seis meses a menores de cinco anos, também serão imunizadas pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. As pessoas portadoras de doenças crônicas não-transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais também devem se vacinar. Para esse grupo não há meta específica de vacinação.
De acordo com a chefe do Núcleo de Imunizações da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Isiane Queiroga, a estratégia de mobilização para todo o estado da Paraíba foi discutida com 189 dos 223 municípios que estiveram presentes nas reuniões por macro região de saúde do dia 31 de março a 03 abril. Durante a apresentação da campanha para os municípios, o Núcleo de Imunizações destacou a importância da ampliação da vacina ao público infantil.
“A extensão da faixa etária para os menores de cinco anos tem como finalidade reduzir casos graves e óbitos. A vacinação desta faixa etária beneficia tanto a criança que recebe a vacina, como também os grupos mais vulneráveis que convivem com ela. Assim, ficam indiretamente imunizados os lactentes menores de seis meses de idade, idosos e pessoas com doenças crônicas. Outro fator que contribuiu para a inclusão desta faixa etária foi o fato de que em 2013 a taxa de internação em crianças menores de cinco anos se igualou a dos idosos”, explicou.
Isiane enfatizou também a importância da campanha neste período que antecede o inverno, estação mais propícia para a gripe. “A criação de anticorpos ocorre entre duas e três semanas após a aplicação da dose. Por isso é importante as pessoas procurarem a vacinação no período da campanha. Assim, quando chegar o inverno, estarão protegidas. A vacina contra a influenza é diferente das demais porque tem efeito limitado, ou seja, é elaborada apenas no período da sazonalidade”, esclareceu.
Doses – Serão distribuídas pouco mais de 1 milhão de doses da vacina, que protege contra os três subtipos do vírus da gripe determinados pela Organização Mundial de Saúde para este ano (A/H1N1, A/H3N2 e influenza B). Em todo o país, serão mais de 2000 postos de vacinação, com envolvimento de aproximadamente 6000 profissionais.
As pessoas com doenças crônicas devem apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) deverão se dirigir aos postos em que estão registrados para receberem a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.
Campanha – Com o tema ‘Vacinação contra a gripe: você não pode faltar’, a campanha do Ministério da Saúde para este ano orienta cada público prioritário a procurar os postos vacinação no período da mobilização.
A vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.
Reações adversas – Após a aplicação da vacina podem ocorrer, de forma rara, dor no local da injeção, rubor inflamatório e endurecimento do tecido. São manifestações consideradas benignas, e na maioria das vezes seus sintomas passam em até 48 horas. A vacina é contra-indiciada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores ou para pessoas que tenham alergia grave relacionada ao ovo de galinha e seus derivados.
Prevenção – A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Ocorre também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). Em caso de síndrome gripal, deve-se procurar um serviço de saúde o mais rápido possível. “A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus, por isso, as medidas de prevenção são muito importantes, particularmente durante o período de maior circulação viral, entre os meses de junho e agosto”, disse Isiane.
É importante lembrar que mesmo as pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe, especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações, devem procurar, imediatamente o médico. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Depois da apreensão de aves em Conceição, Ibama está de olho em gaiolas por todo o Vale


Em uma única casa na cidade foram apreendidas uma centena de pássaros




Por Redação da Folha – Novas operações do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) deverão ser realizadas na região na busca por aves silvestres criadas em cativeiro sem a devida autorização do órgão ambiental. Nessa quinta-feira, 3, em uma única residência localizada nas proximidades do terminal rodoviário de Conceição, agentes do instituto apreenderam cerca de 100 aves silvestres que eram mantidas em gaiolas, algumas delas ameaçadas de extinção.

Além da responsabilidade criminal, o proprietário das aves, que foi surpreendido pela presença do Ibama, acionado por uma denúncia anônima, também será multado por cada ave apreendida: a multa pode variar de 500 reais a 5 mil por cada pássaro mantido em cativeiro, dependendo se a ave está ou não em extinção, conforme apurou o site Valedopiancotícias.

Dezenas de gaiolas foram apreendidas e as aves levadas para o centro de triagem de animais silvestres do instituto, e algumas poderão voltar à natureza dependendo de sua capacidade de readaptação ao habitat natural. O proprietário assinou o ato infracional, e vai responder em liberdade por crime ambiental.

No Vale, criar passarinhos em cativeiro é uma cultura antiga e muitas pessoas mantêm gaiolas em casa com as mais diversas espécies de aves, especialmente as que cantam, a exemplo de galo de capina, sabiá, pintassilgo, golado, rouxinol e gangarro, além de espécies como o papagaio, que também é muito procurado por criadores. 
Foto: momento da apreensão.

sábado, 29 de março de 2014

O vereador que é do partido do governador, e diz que não vota de jeito nenhum em Coutinho


Parlamentar mirim criticou a prefeita de seu município, que também é do PSB




Por Redação da Folha – Embora integre o partido do governador, o PSB, o vereador de Igaracy, Geraldo Regina (foto), não está nada satisfeito com Ricardo Coutinho e diz que o único candidato que não tem a mínima chance de receber seu apoio no pleito deste ano é exatamente o líder maior do seu partido, o governador Coutinho.

A insatisfação com o governo veio depois do rompimento político com a prefeita do município, Deusinha Leite, que também é do PSB e lidera a legenda em Igaracy. O parlamentar mirim diz não ter motivos para apoiar a reeleição do governador nem teme perseguição. “A única coisa que tinha no estado já tiraram e se me tirarem o partido também, eu mudo de legenda”, comentou Geraldo, que é um crítico ferrenho da atual gestão municipal.

Conforme ele, a administração de Deusinha é péssima e piora a cada dia. “Aqui não tem merenda nas escolas; a saúde pública é precária; o lixo toma conta das ruas; garis e transporte escolar com o pagamento atrasado, agricultores pobres sem acesso a corte de terra; e vários outros problemas”, narrou.

De acordo ainda com Geraldo, enquanto a cidade sofre e a população padece, a prefeita distribui privilégios entre seus aliados: cerca de 51 mil reais foram gastos com gratificações no ano passado, segundo ele, que é um dos dois parlamentares mirins de oposição no município. A prefeita tem sete vereadores.